Por que as empresas lançam ações?

Lançar ações na bolsa de valores
Imagine que uma empresa precisa fazer mais investimentos para se tornar mais competitiva no mercado. O mais comum é ela buscar empréstimo, que geralmente é uma opção limitada e de custo mais elevado. Mas há outra alternativa que pode ser mais interessante: lançar ações na Bolsa de Valores.

Cada ação significa uma parte de uma empresa. Isso significa que quem compra uma ação está investindo seu capital na estruturação da empresa e se tornando sócio da mesma. Conforme a empresa lucra, é repassada uma parcela do resultado aos acionistas. Com isso, se tudo ocorrer conforme esperado, todos saem ganhando: a companhia conquista novos mercados, aumenta faturamento e gera lucro, e o investidor consequentemente lucra também.

Como o retorno dos investidores depende unicamente do desempenho da empresa, a empresa não terá nenhuma obrigação e nem prazos de pagamento como ocorreria em um empréstimo. Outro ponto positivo é que uma empresa de capital aberto geralmente possui uma melhor classificação de risco, pois sua maior transparência aumenta a confiabilidade diante do mercado. Isso reflete em mais facilidade e menor custo para conseguir crédito no mercado financeiro.

Para abrir capital e ter suas ações listadas na BM&FBovespa, a empresa precisará cumprir diversas exigências, principalmente relativas à “transparência” da empresa (vale lembrar que toda essa adaptação gera custos à empresa).
Nenhum comentário:
Postar um comentário