Montando posições com regularidade

A regularidade na compra das ações significa fazer compras sempre com uma mesma frequência de tempo e utilizando a mesma quantia em dinheiro. Pode ser uma boa estratégia para aqueles que estão se baseando em fundamentos e estão pensando em um resultado de longo prazo.

Imagine que um investidor dispõe de R$ 14 mil para investir. Ele decide então comprar sempre no primeiro dia do ano R$ 2 mil reais – a preço de fechamento do ano anterior - de uma mesma ação que ele estudou e acredita em valorização no longo prazo. Confira as tabelas abaixo e veja o desempenho.

Investindo na Bolsa de Valores com Regularidade

Nos outros exemplos abaixo, o investidor compraria todo dia primeiro de cada mês R$ 2 mil reais – a preço de abertura do mês – da mesma ação. Veja como ficaria:

Investindo na Bolsa de Valores com Regularidade

Afinal, vale a pena? Olhando estes exemplos específicos pode parecer que não, já que, em 3 dos 4 exemplos, conseguiríamos ter mais ações comprando tudo no primeiro mês do que comprando “aos poucos”. MAS, o investidor precisa entender que é impossível saber se a bolsa vai cair ou não, e as compras com regularidade ajudam a minimizar os efeitos dessas oscilações imprevisíveis.

- Se a ação disparar o investidor estará em desvantagem, pois fará a maioria ou todas as compras a preços superiores ao inicial. Mesmo assim ele provavelmente terá um bom lucro. Pode inclusive vender as partes (iniciais) que já alcançaram grandes lucros e investir em outras ações promissoras que ainda não se valorizaram;

- Se a ação despencar por uma crise ou alguma notícia, por exemplo, ele conseguirá um preço médio muito melhor;

- Se andar de lado, ele também conseguirá um preço médio melhor.

Além disso, montar a posição na ação aos poucos traz a vantagem de o investidor poder verificar a evolução dos resultados da empresa e assim ir decidindo se deve ou não colocar mais dinheiro nela.
Nenhum comentário:
Postar um comentário