Gráfico Candlestick: conheça

Munehisa Homma Candlesticks
Munehisa Homma
Muito utilizada pelos grafistas no Brasil, a representação gráfica dos preços conhecida como candlestick foi criada por um trader chamado Munehisa Homma que atuava no mercado de arroz japonês por volta do século XVIII.

O padrão de cores dos candlesticks facilita a interpretação do movimento do preço dos ativos. Um candle verde significa que o ativo teve fechamento superior ao preço de abertura. Já um candle vermelho significa que o ativo teve o preço fechamento inferior ao de abertura.

Os candlesticks formam diversos padrões que podem ajudar na identificação de uma possível reversão ou continuação de movimentos. Apesar de existirem centenas de padrões formados pelos candles, não é necessário saber todos para poder tirar proveito e lucrar na bolsa. Confira alguns dos mais utilizados pelos traders:


É sempre importante utilizar os candlesticks em conjunto com as ferramentas da Análise Técnica. Por exemplo, padrões de reversão ficam ainda mais fortes quando encontrados em zonas de suportes e resistências importantes e em zonas de sobrecompra ou sobrevenda. Em resumo, ao verificar um padrão sempre faça uma análise para entender em que zona gráfica ele está acontecendo. Isso com certeza irá aumentar as chances de acerto nas operações.

padrões candlesticks
Material Candlesticks: Padrões de reversão.

Comentários