Entenda o que foi a bolha da Internet (Nasdaq)

Bolha da internet
Entre os anos de 1995 e 2000, os Estados Unidos viveram uma época em que as empresas baseadas na internet se tornaram a “febre do momento” no mundo dos investimentos. Era um setor que estava sendo considerado mega promissor, sem limite de lucros.

Em 1999, as empresas de outros setores já começavam a se adaptar e a criar seus próprios sites, apostando que as vendas pela internet seria o caminho para elevar os lucros para patamares incalculáveis. De fato viria a ser uma grande inovação e negócio, só que o retorno disso possuía limite que ninguém sabia de fato qual era.

Com a baixa taxa de juros dos EUA entre os anos de 1998 e 1999, os empresários conseguiam capital com facilidade para dar o primeiro passo na criação de novas empresas nesse setor. Eles simplesmente se aventuravam, mas sem nenhum tipo de plano para longo prazo. Alguns não sabiam nem como fariam para a empresa começar a dar lucro.

Várias empresas abriram capital na bolsa de valores, passando a ficarem listadas na Nasdaq. Inclusive as empresas de fundo de quintal dos “empresários aventureiros”, que ainda nem tinham lucro e não passavam de promessas. Com a grande especulação em torno do potencial do setor de tecnologia, todas as ações tiveram valorizações completamente absurdas em pouquíssimo tempo, pois os investidores não queriam deixar passar a oportunidade de investimento. Eles nem analisavam qual era a proposta da empresa, se possuía uma boa administração, entre outros pontos importantes. Até os analistas abandonaram a maneira correta de analisar uma empresa e “partiram para o achismo”. A euforia tomou conta da Nasdaq.

Entre 1999 e 2000, o Banco Central dos EUA (Fed) começou a aumentar a taxa de juros. Com a economia do país mais travada, logo os investidores viram que as empresas de tecnologia possuíam sim limites e eram bem menores que aqueles que estavam sendo considerados nas cotações das ações.

Como era de se esperar, a alta das ações sem nenhum fundamento, não se sustentou. Entre 2000 e 2001 a bolha estourou. A Nasdaq que havia atingido uma pontuação histórica a mais de 5 mil pontos, começou a cair forte a partir de março de 2000 e depois não se recuperou mais, terminando o ano de 2000 com queda de quase 40%. Os investidores se livraram das ações. A data de 10 de março de 2000 ficou conhecida como o estouro da “Bolha da Internet” ou “Bolha Ponto com”.

O governo dos Estados Unidos até tentou ajudar cortando os juros para incentivar a economia novamente, porém não serviu para reverter a situação. Sem perspectivas de melhora, muitas empresas “Ponto com” quebraram e desapareceram da Nasdaq, mas outras sobreviveram e são muito conhecidas atualmente, como o Google, Yahoo, PayPal, eBay e Amazon.

Comentários